O desempenho dos equipamentos periféricos presentes numa mina também afetam a produtividade do britador. Conheça eles e saiba como extrair o máximo de cada um.

A produtividade do britador depende da escolha correta de parâmetros, como o perfil de revestimento adequado à granulometria de alimentação, rotação e excentricidades ótimos e bom controle da vazão, visando manter a câmara cheia.

No entanto, existem formas de potencializar a produtividade, para além do britador propriamente dito. Isso acontece porque ela, a produtividade, também depende do desempenho dos equipamentos que estão ao seu redor. Os mais comuns são: as peneiras vibratórias, os alimentadores e as correias transportadoras.

Pensando nisso, vamos apresentar, neste artigo, três dicas potentes para você obter mais desempenho dos seus equipamentos. Acompanhe!


Entenda mais sobre os equipamentos e a produtividade do britador

Os demais equipamentos presentes na mina têm impacto significativo no desempenho do britador. Podendo comprometer o seu funcionamento, se não estiverem operando adequadamente. É preciso garantir, por exemplo, a operação correta de peneiramento. Isso para não limitar a alimentação do britador, e dimensionar os alimentadores e as correias transportadoras adequadamente. Saiba como proceder, com as dicas que separamos!

post-metso-03_PeneirasVibratorias.png

As peneiras vibratórias têm papel fundamental na retirada das partículas finas ou indesejáveis ao britador. Normalmente, essas partículas prejudicam o desempenho dos britadores cônicos. Principalmente nas etapas terciárias e quaternárias, onde o britador trabalha com aberturas de saída muito pequenas.

Elas geralmente têm como característica a aglutinação e maior tendência a aderir nos revestimentos. Quando o britador é alimentado com esses tipos de finos, eles acabam por aderir às outras partículas e também às laterais do revestimento, restringindo a passagem da alimentação.

Neste caso, é necessário reduzir a capacidade até que o material se desprenda. Em casos mais severos, deve-se parar a alimentação e remover o material acumulado.

Uma operação de peneiramento eficiente no circuito de britagem é capaz de extrair grande parte dos finos da alimentação e, assim, aumentar a produtividade do britador.


post-metso-03_Alimentadores.png

Muitas vezes, o britador está perfeitamente configurado. Porém, o equipamento responsável por sua alimentação não foi dimensionado de maneira apropriada. E, assim, não consegue dar vazão à alimentação para manter a câmara cheia. Dessa forma, a produtividade do britador ficará comprometida pelo equipamento auxiliar.

Outro possível cenário é o alimentador não ter um variador de frequência, capaz de ajustar o fluxo e manter o nível de enchimento constante. O que ocorre é uma flutuação grande, deixando a alimentação intermitente. Isto é, com o nível da câmara bastante cheio em intervalos curtos e, logo depois, o esvaziamento do britador.

Para uma ótima operação do britador, os equipamentos responsáveis pela alimentação devem ser corretamente selecionados. Se possível, incluindo um variador de frequência para ajuste fino do volume alimentado.

A correia de produto também deve ter capacidade suficiente para extrair o minério britado. Normalmente, é aplicado um fator de segurança nas correias e alimentadores, para que consigam absorver as flutuações inerentes aos circuitos de britagem.


post-metso-03_CorreiasTransportadoras.png


Se os transportadores de correias responsáveis pela alimentação ou retirada do produto não estiveram bem dimensionados, não conseguirão dar a vazão correta ao britador - que poderá trabalhar vazio. É prática comum dimensionar os transportadores com fatores de segurança de 20% ou mais sobre a capacidade do britador, para que eles não se tornem um gargalo do circuito.

A produtividade é o resultado de um conjunto

É preciso ver os resultados operacionais como um conjunto de fatores que nem sempre são exclusivos ao britador. Fatores paralelos também influem. Compreender o processo como um todo e, consequentemente, o papel desempenhado por cada componente na sua operação de extração, é de vital importância para o trabalho de um Engenheiro de Minas.

 

"A produtividade do britador depende da escolha correta de parâmetros, como o perfil de revestimento adequado à granulometria de alimentação, rotação e excentricidades ótimos e bom controle da vazão, visando manter a câmara cheia."


A Metso é a empresa líder mundial nas indústrias de mineração, agregados, reciclagem, petróleo e gás, papel e celulose e indústrias de processo. Colocamos os nossos mais de 149 anos de experiência ao seu dispor. Conheça nossos produtos e soluções, visite o nosso site.

Se preferir, solicite contato de nossa equipe comercial clicando aqui.

 

New Call-to-action

Compartilhe nas redes sociais